MESMO NO TEMPO DA CRISE, DEUS AMPLIARÁ A MINHA COLHEITA!

(2 Rs 4.1-7)

 

Como aquela viúva, muitos estão vivendo momentos de crise. No caso dela foram as dívidas impagáveis e o perigo de ter que entregar os seus dois filhos como pagamento da dívida. Com a morte do marido a sua vida se tornou um caos. O que se deve fazer numa hora dessas? Quais caminhos seguir? A quem procurar? Aos olhos dela, humanamente falando, não havia solução.

Esse é o ponto crítico onde muitos se encontram hoje e que, como ela, sabem que a resposta não está nas condições e habilidades humanas. A maioria, nessa fase, opta pelo caminho da murmuração, paralisa e desistência, poucos, como ela, optam pela rota da provisão e dos milagres de Deus. O fato é que, mais cedo ou mais tarde, conclui-se que sem a intervenção sobrenatural de Deus jamais se obterá a vitória e a conquista. O momento da crise pode ser, ao mesmo tempo, uma oportunidade de Deus manifestar o sobrenatural. Creia que nenhuma crise é eterna – eterno é o poder infalível do nosso Deus! Aleluia!

 

CONDIÇÕES PARA DESATAR NO SOBRENATURAL DE DEUS:

Observando para as atitudes daquela viuva, podemos identificar pelo menos 3 condições:

 

1- FÉ:

 

Fé é a palavra-chave para o cristão existir e se mover na Terra! O Senhor diz que o justo vive por fé e que sem fé é impossível agradar a Deus. Tudo na vida do cristão passa pelo vínculo da fé. Nos momentos de crise, a fé é a condição básica para vermos a glória de Deus.

Aquela mulher, quando foi ao profeta Eliseu apresentar o seu problema, ela foi buscar de Deus a solução, uma vez que a palavra e a direção de Deus estava na boca do profeta. Com esta atitude, ela mostrou que não tinha mais recursos para a solução, mas que tinha a fé de que do profeta sairia a solução.

Diante do teste de fé colocado pelo profeta (“o que tens em casa?”), ela respondeu que nada tinha de valor em casa, SENÃO uma pequena botija de azeite. Aquele senão foi a resposta que Deus tomou como um selo de fé para desatar a palavra do milagre. Com aquele senão ela neutralizou o não tenho nada e mostrou que havia sim uma esperança para que algo sobrenatural pudesse acontecer. Amado, Deus não precisa de muita coisa para realizar os milagres que você necessita. Volte-se para Ele e diga: Senhor não tenho nada material para a solução, SENÃO uma pequena porção de fé em meu coração!

Entenda que a fé é o fundamento. Tudo o que precisamos receber de Deus o receberemos pelos braços da fé! É a fé que neutraliza o medo, derruba os argumentos da nossa alma e viabiliza as nossas ações. Aquela viúva poderia ficar se lamentando, murmurando, fechada dentro de casa, tentado fugir, enfim, poderia não ter feito coisa alguma ou ter tentado dar o seu jeito para sair de uma tão grande crise. No entanto, na hora da terrível situação, ela foi buscar a solução em Deus. Os vitoriosos agem assim! E ao acolher as palavras do profeta, sua fé foi fortalecida e, sem questionar, mostrou que não duvidava da fidelidade de Deus, ainda que estivesse passando por uma situação muito difícil.

É através da nossa fé que o Espírito de Deus operará na Terra. Muitos não conseguem ver a operação de Deus na Terra, nem na sua vida, por causa da incredulidade. Não deixe que a incredulidade entre no seu coração. Todo incrédulo duvida do poder e da operação sobrenatural de Deus. Saiba que onde entra a incredulidade e a dúvida, entram também os espíritos de desistência, crítica e rebelião. Só alcançaremos a bênção e o milagre de Deus pelos braços poderosos da fé. Nunca duvide do tamanho da sua colheita por causa das crises do presente. Jamais admita que a crise é maior que o poder do nosso Deus!

 

2- OBEDIÊNCIA:

 

Em 1 Sm 15.22, lemos que o Senhor tem prazer em que obedeçamos à Sua Palavra. A obediência é um dos pilares para a operação de Deus na vida do discípulo. Ela nasce da fé e, à medida que vai sendo exercitada, consolida e amplia a fé que a gerou. Fé e obediência andam de mãos dadas. Quem crê obedece e quanto mais obedece mais ele crê. Obedecer é exercitar a fé!

Muitos não recebem o sobrenatural de Deus porque não obedecem aos comandos de Deus. Dizem que crêem no Senhor e na Sua Palavra, aparentam fé ao pedirem o que necessitam, mas não se alinham com a vontade de Deus, porque não se submetem, nem obedecem aos Seus comandos. Se a viuva não tivesse obedecido aos comandos, nunca teria visto o milagre da multiplicação do azeite, da colheita ampliada. A obediência traz bênçãos tanto para a vida pessoal, como conjugal, familiar, celular, profissional, financeira etc.

 

3- ESPERANÇA:

 

Em Pv 23.18 lemos que não será frustrada a nossa esperança. A esperança é outro dos pilares fundamentais para uma vida vitoriosa em Cristo. Esperança é o desejo sincero de recebermos aquilo que necessitamos. Ela também nasce da fé e está ligada à obediência. É essa esperança ou expectativa que a fé traz, que nos faz obedecer com alegria e sem pesos.

Quando a esperança é firme, isto é, quando está alicerçada na fé nas promessas do Senhor, ela gera em nosso coração uma expectativa maravilhosa quanto à ação de Deus.

Quando não esperamos realmente que Deus aja a nosso favor, obedecê-lO será um grande peso. Aquela mulher voltou para sua casa com algo diferente em seu coração. A fé na palavra profética a encheu de esperança e ela não hesitou em mandar seus filhos buscarem as vasilhas vazias. Sua atitude refletiu a sua expectativa quanto à operação de Deus. À medida que as vasilhas eram cheias de azeite, e a sua pequena botija não se findava, ela via a provisão de Deus fluindo, sua obediência frutificando e a sua esperança sendo honrada pelo Senhor.

 

SABIA QUE VOCÊ PODE LIMITAR A SUA COLHEITA?

 

O Senhor é ilimitado e sempre poderá fazer muito mais do que pedimos ou pensamos, porém as bênçãos que recebemos podem ser limitadas. Infelizmente, nós podemos colocar limites nas bênçãos de Deus! Sem fé, obediência e esperança jamais experimentaremos a abundância da provisão de Deus.

A viuva, ao receber a palavra profética a sua fé se fortaleceu, obedeceu aos comandos do profeta e sua esperança foi refletida pelo número de vasilhas vazias que conseguiu. Quando a fé e a obediência se alinharam, foi a esperança que determinou o tamanho da sua bênção. Quanto mais vasilhas vazias, maior a esperança, mais o Senhor derramaria azeite da botija. Se ela vivesse até hoje e tivesse um número infinito de vasilhas vazias diante da botija de azeite, aquela fonte estaria até hoje enchendo de bênçãos e provisão a vida daquela mulher.

A fonte só parou de jorrar quando as vasilhas vazias deixaram de ser colocadas diante da botija. Quando se decretou que não havia mais vasilha nenhuma para ser cheia (v. 6), o azeite parou. Quando a fé não é capaz de sustentar a obediência incondicional e nem a esperança no sobrenatural de Deus, o fluxo das bênçãos de Deus param.

Não é o tamanho da crise que limitará a sua colheita, mas a sua fé, obediência e esperança! O Senhor hoje quer gerar em seu coração a fé sobrenatural, a obediência incondicional aos seus comandos e a esperança nobre de que as promessas e decretos do Senhor a seu respeito se cumprirão com abundância em sua vida e sua história. Abra o seu coração para o Espírito Santo de Deus, creia que o sobrenatural de Deus pode alcançá-lo hoje e receba o que Deus tem reservado para você: uma colheita ampliada de cura, libertação, alegria, paz, prosperidade, células, discípulos e muito mais, em nome de Jesus Cristo!

 

No amor do Senhor da Colheita Ampliada.

Aps Aurelio Jesus Santos e Susana M. B. Santos.

 

 

PERGUNTAS PARA A REFLEXÃO CELULAR:

Você está vivendo momentos de crise? Em que áreas?

Seus recursos naturais já se esgotaram?

Olhando para a pastoral, você está firme na base (fé, obediência e esperança) para conquistar no sobrenatural de Deus?

Onde há alguma fragilidade?

O que você efetivamente fará a partir de agora para alcançar a sua vitória?

Todos os direitos reservados a Igreja Missionária Manancial

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • MANANCIAL
  • MANANCIAL

Desenvolvido por PLENA PRODUÇÕES