17/08/2014
 
CARMELO - LUGAR DA FÉ, DA ESPERANÇA E DO SOBRENATURAL DE DEUS!
(1 Reis 18.41-45)

 

 

           

Elias estava vivendo um momento extremamente crítico em seu ministério profético. Havia acabado de enfrentar os profetas de Baal e do poste-ídolo, derrotando-os no monte Carmelo e atraindo a glória de Deus de maneira surpreendente (1 Rs 18. 30-40). O Senhor estava prestes a derramar as chuvas novamente sobre a nação, encerrando assim um longo período de seca, enviado por Deus como castigo por causa dos pecados do rei e do povo.

 

Elias então recebe um comando no seu espírito: as chuvas já estavam se movendo no campo espiritual e seria uma questão de tempo para chegarem ao plano físico. O profeta então retorna ao cume do Carmelo, juntamente com seu moço, se prostra na presença de Deus em oração e ordena ao seu moço que observe na direção do mar. E por seis vezes o moço volta com a informação de que não havia nada lá. Na sétima vez, o moço trouxe um relatório um pouco diferente, dizendo que uma pequeníssima nuvem se levantava do mar. Com este relatório, Elias se levanta e manda avisar ao rei Acabe que se apressasse em retornar para casa, afim de que as abundantes chuvas não obstruíssem seu caminho.

 

ELIAS E SEU MOÇO: DUAS FIGURAS PARA NÓS HOJE.

Bem que poderíamos identificar Elias como o nosso espírito regenerado e o seu moço como a nossa alma. No diálogo entre eles, discerne-se a luta que enfrentamos para fazer a vontade de Deus e atrairmos o Seu sobrenatural.

 

Observe que ninguém ouviu, exceto Elias, o barulho da grande chuva que o Senhor estava para enviar naquele momento (18.41). Realmente, só Elias discerniu o que Deus estava por fazer. E a explicação é simples: porque as coisas do Espírito se discernem no espírito, jamais na alma, na carne. O espírito regenerado recebe a Palavra e a revelação de Deus como verdade e nela se apoia, mas nossa alma precisa de sinais para crer que a revelação vai-se cumprir.

 

Elias precisou permanecer firme no propósito de atrair a glória de Deus para aquele lugar, mantendo os olhos físicos fechados para não receber impressões contraditórias do meio externo. Ele precisou manter seus olhos espirituais fixos na palavra liberada, nas abundantes chuvas que certamente chegariam.

 

Elias precisou perseverar na fé até que seu moço lhe desse um relatório positivo, coerente com o que Deus tinha falado. A determinação espiritual de receber o sobrenatural de Deus e a perseverança na fé de que Deus vai se mover, subjugam a nossa alma e arrancam dela todo discurso contrário.

 

A ALMA PODE ROUBAR A MANIFESTAÇÃO DO SOBRENATURAL DE DEUS!

Em geral a alma precisa de sinais para crer no sobrenatural de Deus. Por isso, em muitos casos, vemos uma verdadeira guerra entre o espírito e a alma, pois enquanto o espírito está apto para crer, a alma se põe a duvidar da revelação de Deus.

 

Como resultado dessa guerra, vemos muitos cristãos desistidos, desanimados e descrentes em relação ao mover sobrenatural de Deus, tanto em suas vidas como no contexto em que vivem. Há pessoas cuja alma é tão convincente, que ela é capaz de calar a sua voz profética e cegar os seus olhos da fé.

 

Em relação à verdade espiritual, via de regra, toda alma tem um discurso contrário. Nossa alma (carne) precisa ser diligentemente disciplinada, para que não se torne um obstáculo ao mover espiritual em nossas vidas. Por seis vezes Elias ouviu um discurso contrário ao que Deus disse que faria, mas ele não esmoreceu e perseverou na postura profética de quem não abre mão do mover sobrenatural de Deus.

 

O Senhor nos chama para darmos um basta aos relatórios contrários de nossa alma. É tempo de rompermos no sobrenatural de Deus e colecionarmos as vitórias que nos estão reservadas na dimensão espiritual. Precisamos adestrar nossos olhos e ouvidos espirituais para nos posicionarmos segundo os propósitos de Deus, resistindo a todo relatório contrário aos projetos do Senhor para nós.

 

CARMELO: O LUGAR DA FÉ, DA ESPERANÇA E DO SOBRENATURAL DE DEUS!

Lembre-se que nossa alma quer constantemente nos fazer descer do Carmelo, do lugar onde não só provamos da fidelidade de Deus, como também somos provados por Deus na fé, perseverança e determinação. Nossa alma quer nos fazer deixar aquele lugar especial, o monte da fé e da esperança, onde ela é vencida pelo governo do Senhor e a glória de Deus é manifesta. Ela insiste em que deixemos a nossa postura espiritualmente correta, de resistência aos seus relatórios adversos, para descermos ao nível do entendimento humano, emoções e sentimentos.

 

Sim, por causa da alma, muitos saem do lugar da vitória e vão para o lugar da acomodação, dúvida, desistência e derrota espiritual. Precisamos ser determinados e perseverantes e jamais descermos do nosso monte Carmelo, enquanto o sobrenatural de Deus não se manifestar. Não permita que a sua alma lhe faça descer do monte da fé e da esperança e provoque o aborto dos projetos de Deus em sua vida.

 

Resista e posicione-se como um discípulo da vitória, que discerne as questões espirituais pelo espírito. Exerça autoridade sobre a sua alma, levando-a a proclamar aquilo que já está estabelecido no reino do espírito, até que a realidade espiritual se torne uma realidade no plano físico.

 

Recuse-se a agir com base nas visões e leituras carnais, almáticas, porque elas são fatais para a fé e para a manifestação do sobrenatural de Deus. Creia que o Senhor hoje nos chama para rompermos os limites da alma, para sairmos do nível das emoções, sentimentos e razão humanas e entrarmos na esfera da verdade, do é possível de Deus. Afinal, nosso Senhor é Fiel e nEle não há variação, nem sombra de dúvida.

 

Hoje mesmo, o Senhor poderá liberar copiosas chuvas de bênçãos sobre sua vida, família, ministério, liderança, finanças, saúde etc. Basta crer, ser determinado e perseverante, apoiando-se na Palavra e nas promessas daquEle que vive e reina para todo o sempre. Aleluia!

 

No amor do Senhor da Colheita Ampliada.

 

Aps Aurelio Jesus Santos e Susana M. B. Santos.

 

 

PERGUNTAS PARA A REFLEXÃO CELULAR:

  • Você já recebeu uma palavra específica de Deus a seu respeito e que se cumpriu? Qual?

  • Você se julga uma pessoa perseverante na fé e determinada em buscar o cumprimento das promessas de Deus a seu respeito?

  • As impressões de sua alma já contribuíram para que você desistisse de conquistar alguma promessa de Deus? Qual?

  • De acordo com a pastoral, o que você, efetivamente, poderia fazer para ver o maior número das promessas se cumprindo em sua vida e contexto?

 

Todos os direitos reservados a Igreja Missionária Manancial

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • MANANCIAL
  • MANANCIAL

Desenvolvido por PLENA PRODUÇÕES