15/03/2015

 

RESTAURAR A ESPERANÇA PARA VENCER AS TRIBULAÇÕES
E ENTRAR NA COLHEITA FIEL!
(Jó 14.7-9)

 

 

Apesar de estarmos no ano em que o altar está sendo restaurado com vistas a entrarmos numa colheita excepcional, parece que praticamente tudo opera à volta de muitos para gerar desesperança e incredulidade. Vê-se que há, no geral, um sentimento de descrédito permeando a vida de muitos e a expectativa de melhora ou mudança fica cada vez mais distante de seus corações. O problema está no fato de que quando se frustra a esperança de que o bem e o bom se manifestarão, surge o natural encadeamento de anomalias na alma da pessoa, tais como incredulidade, desânimo, negligência, desistência, morte.

 

Parece que a incredulidade se associa com a desesperança e, na vida de muitos, atraem frustração, desânimo, desistência e até morte na família, nos sonhos, no ministério, nas finanças etc. Querem a vitória no tempo das tribulações, mas já foram mordidos pela incredulidade e desesperança, afastando-se assim da colheita esplêndida. Afinal, como se encontrar com as respostas de Deus se, na verdade, pedem a Deus o que efetivamente não esperam receber.

 

RESTAURANDO O FOCO DA NOSSA VISÃO.

Nossas experiências, sejam boas ou ruins, podem nos marcar de alguma forma, fazendo-nos crescer e prosperar ou paralisar e sofrer. Porém, são as ruins as que mais nos marcam e, por isso mesmo, podem nos afastar dos princípios de Deus e dos Seus propósitos.

 

Quando algo insatisfatório acontece, aguça os olhos de Satanás, que vive de plantão, 24h por dia, esperando oportunidades para agir contra nós. E uma das estratégias mais terríveis do inimigo é consolidar a visão da derrota, perda e morte na mente e no coração das pessoas. Satanás sabe que por meio dessas imagens negativas ele conseguirá minar a fé e a esperança de muitos, inclusive dentro da Igreja de Jesus, levando-os a desistir dos propósitos de Deus para eles.

 

Jó passou por situações muito críticas e, diante dele, as coisas não eram muito agradáveis, nem estimulantes. Ele simplesmente perdeu tudo, inclusive a saúde e a família. Sua situação era tal que até a sua esposa o aconselhou a amaldiçoar a Deus e morrer (Jó 2.9). Parecia que tudo à sua volta contribuía para a consolidação da incredulidade e da desesperança na sua vida. No entanto, apesar das tribulações que o acometeram e da grande dor que sentia, havia algo dentro de Jó que o animava – a sua fé e a sua esperança. Apesar de tudo o que sentia, via e ouvia, ele não se deixou consolidar na desesperança nem na incredulidade.

 

Hoje não é muito diferente. Muitas vezes ouvimos palavras que testificam a nossa realidade existencial, mas que não nos consolam. Nesses momentos, precisamos nos firmar na fé e na esperança de que nosso Deus não falhará jamais, para que o inimigo não tenha oportunidades em nossas vidas. Jamais fique paralisado nas visões de derrota e morte, pois isto só exalta e fortalece o nosso inimigo. Levante-se como Jó e declare que o seu Redentor vive e Se levantará em seu favor (Jó 19.25).

 

AS TRIBULAÇÕES PRECISAM GERAR ESPERANÇA E JAMAIS DESISTÊNCIA!

Em Rm 5.3-5 lemos que as tribulações produzem perseverança, a perseverança produz experiência e a experiência produz a esperança. O que o inimigo geralmente faz é nos tirar da perseverança diante das tribulações – ele nos atinge com a frustração, o desânimo e a desistência. Com isso, ele nos rouba o privilégio de nos tornarmos experimentados no Senhor e, por conseguinte, também nos tira a esperança. Só a experiência com o Senhor gera em nós a esperança que nos impulsiona.

 

Na hora das tribulações precisamos nos firmar no Autor e Consumador da nossa fé, para que a esperança nasça em nossos corações e vejamos a glória do Todo-Poderoso. Apesar de todas as tribulações, Jó saiu vencedor porque não perdeu a fé e a esperança. Não desista de esperar pela ação de Deus em sua vida, família, ministério, sonhos, finanças etc. Persevere e a vitória chegará.

 

CREIA E ESPERE - AO CHEIRO DAS ÁGUAS A SUA VITÓRIA BROTARÁ!

Diz a Palavra que há esperança de renovo para uma árvore, ainda que tenha sido cortada. Diz mais: ainda que a sua raiz envelheça na terra e o seu tronco morra no chão, ao cheiro das águas brotará. Eis uma tremenda declaração de fé!

 

Ainda que tudo e todos ao nosso redor insistam em nos dizer que chegou o fim, o Espírito Santo nos afirma que o fim não chegou e que há esperança de vida e renovo para os que crêem.  Somos árvores plantadas por Deus e, segundo Ele, há esperança para nós. Há esperança para nossa saúde, casamento, família, sonhos, ministério, células, finanças. Ao cheiro das águas vivas do Espírito Santo de Deus, as coisas mudarão. Aleluia!

 

Muitos se viram cortados ou mortos em muitas áreas da sua vida; outros se definem como os que estão com as raízes envelhecidas, cansadas e incapazes de firmá-los na terra da promessa e da vitória, mas o Senhor diz que não devem perder a esperança. O Senhor afirma que “ao cheiro das águas” tudo mudará. Quando abrirmos o coração ao mover das águas do Espírito, a esperança conceberá e a vitória nascerá. A chave está em abrirmos o coração para o mover poderoso das águas do Espírito Santo. São águas tão poderosas, tão carregadas da vida do Senhor, que ao mais leve toque manifestará a glória do Senhor.

 

Chega de desistência e acomodação na derrota e no fracasso, afinal, há esperança para os que crêem. Mantenha-se firme na fé e deixe o poder do Espírito Santo tocar sua vida, ativando a sua esperança. Não importa o que foi cortado, morto ou envelhecido em sua vida e história, simplesmente creia e espere que ao cheiro das águas do Espírito Santo a vitória chegará! O Senhor quer lhe trazer renovo, paz, alegria, unção, frutificação e prosperidade. Não importa o que o inimigo lhe mostrou de ruim e quer fixar em sua mente e coração, fixe-se no que o Senhor quer fazer e mantenha-se na fé porque há esperança para você!

 

No amor do Senhor do Altar.

 

Aps Aurelio Jesus Santos e Susana M. B. Santos.

 

 

PERGUNTAS PARA A REFLEXÃO CELULAR:

  • Você é alguém que realmente se move pela fé e com esperança?

  • Como você se porta diante das tribulações?

  • O que lhe falta para mover-se com esperança e fé?

Todos os direitos reservados a Igreja Missionária Manancial

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • MANANCIAL
  • MANANCIAL

Desenvolvido por PLENA PRODUÇÕES