NÃO HÁ PROVISÃO CORRETA NA FONTE ERRADA!

(Jo 4.5-15)

 

            Para variar, Jesus foi pelo caminho que muitos não iriam, porque Ele tinha um encontro transformador com uma mulher, que tinha tudo para ser desprezada por um religioso judeu, mas nunca por Jesus. Além de mulher, era samaritana e tinha o perfil de adúltera (pois cinco maridos teve e o atual não era seu marido – ver verso 17). Jesus se coloca estrategicamente para alcançá-la: no poço de onde ela buscava suprimento de água. Ali o Mestre tem um encontro divino com aquela mulher que muda radicalmente a sua vida.

            Hoje o Senhor marcou um encontro divino e transformador conosco. Para cada um de nós surge a oportunidade de uma visitação sobrenatural e transformadora do Senhor. Você só precisa dar atenção a Ele e fazer sua opção. Jesus não tem preconceitos, nem faz acepção de pessoas. Ele quebra todos os paradigmas para tornar o Seu Reino conhecido entre os homens. Não importa tanto o que você foi, quanto o que Jesus quer fazer você ser. Creia que Jesus tem planos divinos a seu respeito.

 

A QUE PODERÍAMOS COMPARAR O BUSCAR ÁGUA NO POÇO DE JACÓ?

            A água é fundamental para o ser humano e uma necessidade que precisa ser suprida. No entanto, buscar água no poço de Jacó significa realizar o ritual de buscar a solução humana para as nossas necessidades. Muitos estão buscando saciar suas necessidades guiados pelo formalismo, entendimento, conhecimento e capacitação humanas. É claro que esta busca traz respostas sim, mas é uma solução momentânea, pois no dia seguinte, surge mais sede, mais necessidades, mais uma busca.

            Tirar água no poço de Jacó pode ser comparado ao enfadonho dia-a-dia de tantas pessoas, já frustradas e decepcionadas quanto à resposta para seus anseios. Pode significar o caminhar de muitos, que sabem que o amanhã será uma inevitável repetição do hoje! O poço de Jacó não acaba com a sede definitivamente, porque não tem a Água Viva, isto é: a provisão de Deus para as necessidades mais fundamentais do ser humano.

 

NOS DIAS DE HOJE, O QUE PODERIA SER O POÇO DE JACÓ?

            São todas as “fontes” supridoras que estão no mundo, no próprio homem e no maligno. Ou seja: qualquer fonte de provisão para as necessidades humanas que não seja Cristo. No fundo são poços fúteis e fugazes, trazendo soluções temporais e superficiais para a vida humana. Só Jesus, a Fonte de Água Viva, traz as soluções definitivas.

            Dentre os vários “poços de Jacó modernos”, temos: humanismo, filosofias e ideologias mundanas ou malignas, política, dinheiro ou capital, religião, poder, dominação, consumismo, status, prestígio, vingança, o ter e o saber, trabalho.

            Todos são, de alguma forma, um atrativo e uma sugestão de solução para muitos necessitados e sedentos modernos. Dão a falsa impressão de que a solução está ali, condicionando muitas pessoas a tê-los na rota da provisão.

 

SÓ TROCANDO DE FONTE PARA RECEBERMOS A PROVISÃO CORRETA!

            Quando aquela mulher soube que havia a opção ideal para suprir suas necessidades, não perdeu tempo e tomou uma decisão importante. Deixou o cântaro de barro, que se abastecia com as águas do poço de Jacó, e abriu o cântaro mais importante, o seu coração para ser abastecido com as águas vivas de Jesus.

            Hoje o Senhor está posicionado no nosso caminho para mudar a nossa rota. Ele Se coloca entre nós e a nossa antiga fonte de provisão e espera de nós uma atitude. Chega de buscar provisão e solução nos poços errados e insuficientes. É hora de tomarmos uma decisão que pode mudar nossas vidas e a vida das pessoas à nossa volta.

            Ter sede (necessidades) é condição humana e não é errado, mas rejeitar a Fonte de água viva sim. Largue seu cântaro de águas mortas e pessoalmente encha-se da água viva do Senhor Jesus. Encerre hoje a mesmice de uma vida não suprida e nem resolvida, e sacie-se em Jesus.

            O Senhor quer suprir suas necessidades mais profundas hoje. Ele quer saciar sua sede de: perdão, cura, libertação, alegria, paz, amor, prosperidade e aceitação. Peça a Ele a água da provisão para que você nunca mais tenha essa sede, nem precise ir aos “poços de Jacó” para buscá-la. Deixe a sua dependência nesses poços e dependa exclusivamente do Senhor Jesus, para a provisão de suas mais profundas necessidades.

 

                        No amor do Senhor da Unidade e da Maturidade.

 

                                    Aps Aurelio Jesus Santos e Susana M. B. Santos.

 

PERGUNTAS PARA A REFLEXÃO CELULAR:

  1. Você tem buscado solução para suas necessidades fundamentais em algum “poço de Jacó”?

  2. Quais seriam esses “seus poços de Jacó”?

  3. Que áreas de sua vida precisam ser supridas com água viva da verdadeira fonte que é Jesus?

  4. O que você efetivamente fará, a partir de agora, quanto a suprir suas necessidades importantes?

 

DESTAQUE DA PASTORAL:

 

Chega de buscar provisão e solução nos poços errados e insuficientes. É hora de tomarmos uma decisão que pode mudar nossas vidas e a vida das pessoas à nossa volta.

 

Todos os direitos reservados a Igreja Missionária Manancial

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • MANANCIAL
  • MANANCIAL

Desenvolvido por PLENA PRODUÇÕES